Conheça Seus Direitos em Caso de Voo Cancelado ou Atrasado

Indenizar > Atraso de voo >

Conheça Seus Direitos em Caso de Voo Cancelado ou Atrasado

Estava animado para aquelas férias planejadas há um ano, chegou no aeroporto e seu voo foi cancelado? Vive em frequente ponte aérea por causa de trabalho e seu voo atrasou? Um voo cancelado ou atrasado pode acabar com o bom humor ou aquelas horas cruciais com a família. Saiba o que você pode fazer se já passou ou não quer passar por uma situação dessas!

O que fazer quando acontece um cancelamento de voo?

Existem diversas razões pelas quais um voo pode ser cancelado. Dentre elas, estão as condições climáticas, manutenção da aeronave, excesso de tráfego aéreo, falta de tripulação, pouca ou muita gente em um voo. Nenhum desses motivos faz o desconforto passar quando estamos atrasados para uma reunião de negócios, por exemplo, não é mesmo?

Infelizmente, são coisas do cotidiano e não temos como prever com certeza quando pode acontecer. No entanto, se você quer se precaver caso aconteça, conheça suas opções quando acontece o cancelamento de voo.

Em primeiro lugar, a companhia aérea é obrigada a reencaminhar os passageiros para o destino final em condições de transporte equivalentes o mais breve possível, mesmo que em data posterior ou fornecer o reembolso da passagem, pelo mesmo valor que foi adquirida, em até sete dias.

Além disso, quando você sofre com um voo cancelado, a companhia aérea também tem a obrigação de fornecer suporte como alimentação, alojamento, entre outros, quando necessário.

O que exigir quando meu voo está atrasado?

Em caso de atraso de voo, a companhia aérea possui os mesmos deveres de um voo cancelado. Porém, existem assistências que devem ser fornecidas de acordo com o tempo do voo atrasado. São elas:

A partir de uma hora de voo atrasado: todos os passageiros têm direito a se comunicar, seja através de telefonemas ou a empresa deve fornecer acesso à internet para isso.

A partir de duas horas de voo atrasado: a contar de duas horas de atraso de voo, os passageiros adquirem o direito de alimentação às custas da companhia aérea. Nesse caso, ela pode fornecer algum lanche, conduzir até um restaurante ou até disponibilizar um voucher que pode ser utilizado em determinado estabelecimento.

A partir de quatro horas de voo atrasado: de agora em diante, a empresa aérea tem o dever de providenciar alojamento ou até mesmo hospedagem, caso seja necessário. Dessa forma, é também de total responsabilidade da companhia aérea disponibilizar o transporte gratuitamente do aeroporto até o hotel, pousada ou estabelecimento em que o passageiro irá se hospedar até que possa embarcar. Se isso acontecer na cidade onde o passageiro reside, o transporte de ida e volta até a sua residência deve ser cedido.

Assim como nos casos de cancelamento de voo, quando um voo atrasa, também deve ser oferecida a opção de reembolso aos passageiros.

Atraso de voo e voo cancelado

Voo atrasado: quais os meus direitos após quatro horas?

Mesmo quando já existe a estimativa de atraso superior a quatro horas, você tem o direito de escolher a melhor acomodação para você. Ou seja, você não é obrigado a aceitar a proposta feita pela companhia aérea. Exija este direito caso seja necessário. Contudo, a maior parte das empresas tentam reacomodar os passageiros em companhias concorrentes a fim de evitar maiores transtornos.

É válido lembrar que, no Brasil, as empresas aéreas têm a obrigação de fornecer opções de acomodação e assistência, não importando qual foi a causa do atraso ou cancelamento

Como evitar voos atrasados e cancelados

É claro que não tem como prever caso aconteça algum imprevisto, seja ele de fator climático ou não. No entanto, trouxemos algumas dicas que podem diminuir imprevistos como estes, esteja você embarcando em uma viagem de férias ou a trabalho.

Voos noturnos costumam atrasar mais do que matutinos. Entre sempre no site da companhia aérea em que você comprou a sua passagem para conferir históricos de atrasos ou cancelamentos de voo. Alguns aeroportos também são mais suscetíveis a voo cancelado ou atrasado por motivos de fatores climáticos, fique alerta. Caso você tenha um compromisso importante, como um casamento ou uma reunião, avalie a possibilidade de viajar na véspera ou em aeroportos alternativos, com menos chances de imprevistos.

Opte por cias aéreas com mais voos na sua rota. Dessa forma, caso aconteça um cancelamento ou atraso de voo, existe mais chances de você ser reacomodado em um curto espaço de tempo.

Fique atento a aeroportos que não funcionam 24 horas. Aeroportos como o de Congonhas, em São Paulo, e Santos Dumont, no Rio de Janeiro, não param de funcionar, permitindo maior flexibilidade em caso de atrasos e cancelamentos. No caso dos que fecham às 23 horas ou operam com restrições após às 22 horas e 30 minutos, é provável que a dor de cabeça seja maior.
Escolha aeroportos onde a cia aérea opere vários voos. Nos chamados hubs, o problema de falta de tripulação, ocasionando em um voo atrasado ou cancelado, é menos frequente.

Programe-se para embarcar em datas que não sejam véspera de feriado e final de semana. Caso você não tenha escolha, esteja preparado para a grande quantidade de passageiros ou opte por viajar em horários alternativos, como tardes e noites de sábado ou no meio de feriados prolongados.

Prevenção contra voo cancelado ou atrasado: dicas extras

Além das dicas acima, vale lembrar mais alguns pontos de extrema importância se você não quer passar por situações extremamente desgastantes em aeroportos.

Consulte sempre sua reserva pela internet no dia anterior à viagem, para não chegar lá e a empresa ter mudado o horário sem notifica-lo. Fique atento ao painel de informações e aos avisos sonoros no aeroporto. Além disso, atente-se para a troca do portão de embarque, comum em aeroportos brasileiros – a distância entre um e outro pode fazer com que você acabe perdendo seu voo!

Um último lembrete: seja sempre educado e firme ao exigir seus direitos – são eles que vão te salvar de cair na lábia dos funcionários treinados a oferecer o que é melhor para a empresa.

Teve problema com voo cancelado, atrasado ou overbooking?

Comentários